terça-feira, 30 de outubro de 2012

Pois é... o poste daqui é diferente mesmo. Nem o Lula deu jeito. #Eleiçõe2012


E não é que o Poste perdeu o segundo turno em Fortaleza? Mesmo com Lula, o acendedor oficial de postes sem luz do PT, aparecendo em 11 de cada 10 peças publicitárias do candidato da atual prefeita, Elmano de Freitas não conseguiu evitar a derrota. Foram mais de 70 mil votos de diferença entre o petista e o prefeito eleito Roberto Cláudio, o Pinguim. Resultado que foi visivelmente um grande não ao projeto que administrou a capital cearense nos últimos 8 anos, mas que não necessariamente é um sim ao projeto do atual governador, Cid Gomes, padrinho político de Roberto Cláudio.

Vale ressaltar que antes do pleito corrente, nem um, nem outro, tinham a menor relevância no cenário político da cidade. Assim, o que de fato se enfrentou nas urnas no último domingo foi a antipatia a Luizianne versus o medo aos clã dos Ferreira Gomes. No fim das contas, quem diria, "a antipatia venceu o medo". E como era a grande antipatia não é mesmo? Mas não é pra menos. Foram dois mandatos de muito esforço da "Lora" para conquistar tamanho nível de rejeição na capital cearense enquanto que o medo ao clã de Sobral vinha esquecido desde muito só voltando a ser ressuscitado a partir de junho deste ano, quando o PSB rompeu com a turma da prefeita.

Se é pra ser justo é bom destacar que os próprios irmãos Gomes há seis anos atrás também não ofereciam grande risco ao Ceará. Não fosse o prestígio que a então prefeita Luizianne Lins detinha nos idos de 2006 e que dedicou com toda sua energia a fazer governador o irmão do Ciro a dinastia sobralense muito provavelmente estaria enterrada há anos e a candidatura do medo teria de ser encarnada por outros personagens. Que ironia! O prestígio da Lora do passado derrotou a antipatia do presente. Sendo assim, a primeira coisa que vem a cabeça é: Parabéns PT! Vocês conseguiram entregar o governo do estado e prefeitura da quinta capital do país aos decadentes Ferreira Gomes. Não é qualquer um pra conseguir isso não. Definitivamente, parabéns PT!

Agora nos preparemos para os verdadeiros enfrentamentos, os que se darão nas ruas.

Leia no blog: