terça-feira, 27 de novembro de 2012

Você precisa assistir o curta "Pode me chamar de Nadí" #belezanegra #negritude


Um belo dia o professor Déo Cardoso encontrou sua afilhada Nadí chorando. Quando perguntou o que tinha acontecido ela respondeu que não aguentava mais ser chamada de "cabelo de bombril" pelos meninos da escola. Depois de tanto tentar em vão convencê-la de que isso era besteira e que ela deveria deixar pra lá, prometeu que faria alguma coisa para ajudá-la. Escreveu um roteiro para um curta e apresentou à pequena, que meteu o pitaco e deixou o filme a cara dela. A promessa já estava "meio" cumprida faltava agora só o mais difícil, afinal do que adiantava um roteiro de filme se o dito filme não fosse parar na telona? E dois anos se passaram e Nadí não parou de importunar o padrinho um único instante. E muitos "nãos" Déo levou de todos os lados até que na última hora do último dia do prazo para inscrição em um concurso para produção de curtas do governo do Estado do Ceará os ventos mudaram para o professor. Para sua surpresa (ele já não tinha esperança mesmo que poderia cumprir sua promessa), arrematou o primeiro lugar no concurso e utilizou todo o dinheiro do prêmio para produzir o belíssimo "Pode me chamar de Nadí", que é sem sombra de dúvida, um dos filmes mais brilhantes e sensíveis que alguém já produziu sobre o tema da beleza negra.


Pode Me Chamar de Nadí / Just Call Me Nadi from déo cardoso on Vimeo.