terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Nós somos rebelião (*)

Nós somos rebelião, nós somos a energia da multidão, a esperança das massas, a luta do povo.

Nós somos o desejo de enfraquecer, de ultrapassar, para instigar a revolução em cada alma.

Nós somos o poder do coletivo, subindo a partir da morte de dormência política.

Nós somos o futuro da humanidade, a capacidade de superar, para devorar os inimigos da luta social.

Nós somos a retaliação psicológica contra a capitalização dos instintos humanos.

Nós somos o movimento que nunca dorme, as vozes que nunca se calam, o murmúrio à distância.

Nós somos um exército de mentes, a vida que permanece na sombra, o sangue da psique coletiva, fluindo, circulando, preparando-se.

Nós estamos chegando.

(*) Tradução de We Are Rebelion do coletivo de escritores ativistas.