domingo, 9 de setembro de 2012

@CarlosLatuff não quer desenhar passarinhos...


O programa Globo News em Pauta entrevistou Carlos Latuff no último dia 30 de agosto. Em sua participação Latuff apresentou-se como um "artivista" sem a menor intenção de ser "engraçadinho" e completamente a serviço da transformação social. E como tal se portou Latuff durante toda a entrevista, trazendo à tona o tema do anti-islamismo e da causa palestina quando perguntado sobre o holocausto, apresentando Joe Sacco e Naji al-Ali como referências artísticas e criticando a democracia brasileira.

Durante a entrevista algumas charges de Latuff foram apresentadas. Entre elas algumas sobre a situação da repressão no Egito, a violência policial no Brasil, as mortes pelo latifúndio latino-americano, etc. A crítica a Eduardo Paes e à Dilma foram mostradas também na forma de charge, uma sobre o corte de verbas para a previdência e outra sobre as verbas para a grandes empresas. Uma entretanto que me chamou a atenção por ter sido mostrada pela Globo foi a de um aparelho de TV beijando a mão de um empresário representando a mídia de uma forma geral atuando a serviço do poder econômico. Uma crítica nada sutil que as organização do senhor Roberto Marinho simplesmente deixaram passar.

Abaixo segue o video publicado pelo próprio Latuff em sua conta no YouTube.